20set
De: Ingrid Em: setembro 20, 2017 Categoria: Motivacional Comentários: 0

 

Edgar Ueda – Um empreendedor de muitos Turnaround.

 

A origem e trajetória de um ex-vendedor de coxinhas até a sua transformação num multiplicador de milhões é cheia de altos e baixos. Para a virada  elementos que não faltaram neste caminho foram resiliência, persistência e muita paixão por vencer. Saiba o que transformou Edgar Ueda, 39 anos, num verdadeiro sucesso de vendas no mercado imobiliário nacional e quais foram os seus turnarounds.

 

Em 2 de outubro de 1978 nascia Edgar Ueda em Pinhalzinho (SP), cidade com 13 mil habitantes. Filho do meio, ele dividiu uma infância humilde com sua mãe e outros três irmãos. Os quatro filhos foram criados com muito esforço somente pela mãe que para sustentá-los trabalhou na roça como bóia-fria e em casas de famílias como empregada doméstica. Edgar só foi conheceu seu pai aos 18 anos.

 

INFÂNCIA DE MUITO TRABALHO

Não teve tempo para brincadeira. Para ajudar sua mãe a colocar comida na mesa ele começou trabalhar aos 9 anos de idade entregando leite em sua cidade. Aos 12 anos ele vendia coxinhas de porta em porta. Desde muito cedo seu tino para as vendas falava mais alto. Descobriu que conseguia convencer as pessoas a comprarem suas coxinhas. Depois de ralar bastante trabalhando para os outros ele decidiu empreender pela primeira vez aos 17 anos de idade. Neste período ele abriu uma lanchonete e em seguida uma sorveteria. Foram dois marcos principais de Turnarounds precoces entre a sua infância e adolescência que caracterizou Ueda como um trabalhador com capacidade de reinvenção. O primeiro deles foi aos 9 anos, quando teve a primeira atividade remunerada e mais adiante a outra virada em sua vida foi aos 17 anos quando decidiu arriscar e deixar de trabalhar como empregado, criando o seu primeiro negócio.

 

NOVA VIDA NO JAPÃO

Dois meses e meio após completar 19 anos Edgar decidiu aproveitar sua descendência nipônica e ir para Japão. Inicialmente seu planejamento era ficar no país oriental apenas dois anos. Acabou que ele morou por lá durante 9 anos e meio e neste período veio apenas três vezes ao Brasil. Sua primeira temporada no país de cultura milenar durou pouco mais de dois anos. Já a segunda foi mais longa. Foram 7 anos e meio vivenciando uma cultura totalmente diferente da que estava habituado. Nesta fase de sua vida ele trabalhou no país como operário de fábrica a diretor de marketing de uma das maiores redes de supermercados para estrangeiros. Por lá ele também empreendeu, teve uma agência de publicidade e uma empresa de eventos.

 

A LIÇÃO JAPONESA

No país oriental várias lições ajudaram Edgar a se tornar o profissional que é hoje. Para ele a força da hospitalidade, gentileza, educação, respeito pelos outros, disciplina, idoneidade e muito trabalho duro caracterizam a cultura japonesa e ajudaram na transformação de seu novo mindset. Outros detalhes fizeram toda a diferença em sua vida convivendo com outras pessoas no exterior. Ele relata que no Japão quando uma reunião é marcada as pessoas tendem a chegar meia hora antes, não há atrasos. O japonês costuma trabalhar em média 12 horas por dia, 6 dias da semana e essa foi a filosofia que ele incorporou. Edgar decidiu voltar para o Brasil em 2010, quase sem dinheiro nenhum. Sua vivência no Japão foi pausada em meio a crise internacional de 2008. Até para completar o dinheiro para a viagem de volta foi um sacrifício. Para retornar para o Brasil precisou vender tudo o que tinha conquistado morando no exterior.

 

ENCONTRO NO MERCADO IMOBILIÁRIO

O interesse pelo mercado imobiliário ocorreu ainda no Japão após um amigo lhe contar sobre as oportunidades deste nicho. Ele ficou encantado com as perspectivas começou a estudar sobre o tema. Em 2011 ele ingressou no mercado imobiliário no Brasil. No final de 2012 a sua empresa fechou o ano comercializando R$10 milhões com duas unidades. Com estratégias comerciais ousadas e inovadoras houve um desequilíbrio das finanças da empresa e em 2013 o ano foi encerrado com uma dívida de aproximadamente R$ 3 milhões. Todos os funcionários tiveram que ser demitidos e as duas unidades foram fechadas. O turnaround precisava entrar em cena novamente. Mais uma vez Edgar precisava se reinventar para virar o jogo. Desta vez ficou ficou no mesmo segmento. Tudo deveria ser reiniciado do zero, menos o aprendizado.

 

A EMPRESA QUE MULTIPLICA MILHÕES

No final de 2014 ele abria a Mondeluz – Inteligência em Lançamentos Imobiliários, empresa especialista em lançamentos imobiliários. Um dos principais trunfos da Mondeluz é vender imóveis que ninguém consegue vender em diversas regiões do país. Por meio de um estudo profundo do empreendimento e da cidade onde ele estava ou seria instalado, formação de equipe de vendas, uma campanha de marketing agressiva e um planejamento estratégico, em 2015 a empresa já comercializava imóveis e movimentava valores na casa dos 7 dígitos. Atualmente a empresa dirigida por Edgar e seu sócio está presente em 9 Estados, 40 cidades e já acumula R$ 632 milhões de imóveis comercializados em todos o país. Em contratos de produtos lançados e em lançamentos a empresa já contabiliza R$ 2,4 bilhões.

 

NOVAS PERSPECTIVAS

Edgar Ueda não para. Para ele riqueza e sucesso são subjetivos. Ele quer mais e reforça que isso não é ganância e sim ambição de querer sempre crescer. Seu trabalho agora é fazer a Mondeluz dobrar de tamanho e torná-la uma multinacional, já com planos de abertura de filial nos Estados Unidos. Sua meta primária como empreendedor é essa. Já a meta pessoal é a de provocar mudanças nas pessoas. Ele quer inspirar, motivar e fazer a diferença, impactando o maior número de pessoas possíveis. Sua experiência que o transformou de um vendedor de coxinhas para um multiplicador de milhões será amplificada por meio de textos e vídeos na internet para provar que o sucesso está logo ali. Dentre os principais aspectos para a inovação rumo ao objetivo está a mudança de mindset, aquisição de um conjunto de boas competências, assumir um comportamento de vencedor e atitudes que provocam as mudanças necessárias para alcançá-lo.

Saiba mais sobre Edgar Ueda em outros posts do blog. Basta clicar aqui

Gostou deste conteúdo? Compartilhe e ajude a multiplicar informações que motivam, inspiram e despertam mudanças que vão ajudar outras pessoas a virarem o jogo.